• EN
  • Uma plataforma de atividades voltadas à formação em arte e meio ambiente, o Inhotim Escola promove conhecimento aberto e não seriado aos mais diversos públicos, em um contexto de valorização da educação e da cidadania. A programação do Inhotim Escola acontece para além do espaço físico do Instituto em Brumadinho e inclui exposições de arte, mostras de vídeos e filmes, palestras e cursos, oficinas e encontros com artistas, entre outras atividades.

    /*')">*/ /* */

    Últimos Eventos

    Dia 22 de novembro de 2014

    Workshop: Introdução à Formação de Educadores Ambientais

    Workshop ministrado por Wallace Carvalho Ribeiro, Mestre em Educação e Doutorando em Geografia - TIE na PUC Minas. Tem experiência nas áreas de Geografia, Educação e Turismo, atuando principalmente com os temas Educação Ambiental, Percepção Ambiental, Práticas Educativas, Interdisciplinaridade e Paradigma. Atualmente é professor da PUC Minas em diversos cursos, assim como integrante de Grupos de Pesquisa da PUC Minas. 25 vagas. Público alvo: Acadêmicos em ciências ambientais e docência, técnicos em meio ambiente, professores de educação infantil e primeiras séries do primeiro ciclo do ensino fundamental, agentes e lideranças comunitárias e interessados em geral. Inscrições: envie um breve currículo para educacaoambiental@inhotim.org.br. Caso seja selecionado, leve uma caneca de casa. Não usaremos copos descartáveis durante o intervalo. O projeto Consumo Consciente na Praça conta com o patrocínio da IBM por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.



    Dia 4 de novembro de 2014

    Conversa com José Carlos Carvalho

    Mudanças nos hábitos de consumo podem estimular estilos de vida mais sustentáveis. No dia 4 de novembro, em Belo Horizonte, o especialista em gestão ambiental José Carlos Carvalho participa de conversa do Inhotim Escola sobre as formas de consumo da sociedade contemporânea. José Carlos já ocupou os cargos de Secretário de Meio Ambiente de Minas Gerais e Ministro de Estado do Meio Ambiente, além de ter chefiado a Delegação Brasileira na Convenção da ONU sobre Desenvolvimento Sustentável em 2002. A entrada é gratuita. O projeto Consumo Consciente na Praça conta com o patrocínio da IBM por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.  


    Programação completa +

    4 de novembro

    19h: Conversa com José Carlos Carvalho
    Museu Mineiro – Av. João Pinheiro, 342, Belo Horizonte



    Dia 1 de novembro de 2014

    Workshop: Introdução à Formação de Educadores Ambientais

    Workshop ministrado por Wallace Carvalho Ribeiro, Mestre em Educação e Doutorando em Geografia - TIE na PUC Minas. Tem experiência nas áreas de Geografia, Educação e Turismo, atuando principalmente com os temas Educação Ambiental, Percepção Ambiental, Práticas Educativas, Interdisciplinaridade e Paradigma. Atualmente é professor da PUC Minas em diversos cursos, assim como integrante de Grupos de Pesquisa da PUC Minas. 25 vagas. Público alvo: Acadêmicos em ciências ambientais e docência, técnicos em meio ambiente, professores de educação infantil e primeiras séries do primeiro ciclo do ensino fundamental, agentes e lideranças comunitárias e interessados em geral. Inscrições: envie um breve currículo para educacaoambiental@inhotim.org.br. Caso seja selecionado, leve uma caneca de casa. Não usaremos copos descartáveis durante o intervalo. O projeto Consumo Consciente na Praça conta com o patrocínio da IBM por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.



    Dia 21 de setembro de 2014

    Pedal Verde Inhotim

    Com patrocínio da IBM, o Inhotim convida você para participar de um passeio ciclístico para toda a família. Aproveitando o Dia Mundial Sem Carro, comemorado em 22 de setembro, o evento tem como objetivo conscientizar a população sobre a importância de uma vida mais sustentável. Enquanto o pedal acontece, pais e filhos poderão se divertir nas oficinas educativas. E as crianças poderão confeccionar brinquedos com materiais recicláveis.

    Percurso: 2 voltas de 4km Praça JK – Av. Bandeirantes – Praça da Bandeira – Av.Bandeirantes – Praça JK

    Valor da inscrição: R$35 Para participar do Pedal Verde, clique aqui: inhot.im/pedalverde

       



    Dia 30 de agosto de 2014

    Workshop Introdução ao Consumo Consciente

    Um Estilo de Vida Mais Sustentável, com Nísia Werneck.

    Nísia Werneck faz parte do Conselho Acadêmico do Instituto Akatu. Formada em Arquitetura pela UFMG, possui especialização em Urbanismo e em Análise Socio-econômica do Desenvolvimento Regional Econômico. Atualmente é Professora Associada do Núcleo de Gestão Responsável pela Sustentabilidade da Fundação Dom Cabral e Sócia Diretora da NOW Consultoria e Projetos Ltda.

    Inscrição: enviar breve currículo para educacaoambiental@inhotim.org.br até o dia 28 de agosto. 20 vagas.
    O projeto Consumo Consciente na Praça conta com o patrocínio da IBM por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.



    Dia 7 de agosto de 2014

    Conversa com a coreógrafa Dani Lima

    A convite do Inhotim, Dani Lima criou o espetáculo "Gestos Ordinários | Coleção CDPA" especialmente para a ocupação que acontecerá nos jardins do parque entre os dias 15 e 17 de agosto. A coreografia é um inventário de gestos que dialoga com ideias presentes em todos os museus – o colecionismo, a catalogação, a memória – e traz em sua raiz uma extensa pesquisa de Dani Lima.

    No próximo dia 7, o programa Inhotim Escola promove conversa com a coreógrafa e os bailarinos da Cia de Dança Palácio das Artes em Belo Horizonte.



    Dia 22 de julho de 2014

    Seminário Espaço, Trabalho e História

    Inhotim Escola promove um espaço criativo de debate sobre questões centrais para a arte contemporânea e para a atualidade. Pensadores e artistas do acervo do Instituto participam de três mesas temáticas mediadas pelos curadores do Inhotim. 

    Mesa Trabalho

    24 de maio, às 10h30

    Mediação: Rodrigo Moura

    Convidados:

    Marilá Dardot é mineira de Belo Horizonte. Formada em Comunicação Social na UFMG, é mestre em Linguagens Visuais pela Escola de Belas Artes da UFRJ. A Origem da Obra de Arte (2002), em caráter permanente no Inhotim, propõe uma reflexão acerca da construção das obras de arte. No Inhotim Escola, a artista aborda essas e outras questões que evolvem seu trabalho, como as técnicas e ferramentas usadas para criá-lo.

    Peter Pál Pelbart é filósofo, ensaísta e professor. Nasceu em Budapeste, na Hungria, mas vive na cidade de São Paulo, onde coordena a Companhia Teatral Ueinzz, formada por pacientes psiquiátricos do hospital-dia A Casa. Estudioso da obra de Gilles Deleuze, ele ajuda a discutir o papel do trabalho na sociedade.

    Francisco Alvim é poeta e diplomata. Começou a escrever ainda na adolescência, por influência de sua irmã, a poetisa Maria Ângela Alvim. Lançou seu primeiro livro, Sol dos Cegos, em 1968. Após um período em Paris atuando na Unesco, Alvim retornou ao Brasil e passou a integrar o  grupo literário Frenesi, atuante na poesia marginal dos anos 1970. No evento, ele fala do trabalho de escritor e do ofício da escrita.

     



    Dia 24 de maio de 2014

    Seminário Espaço, Trabalho e História

    Inhotim Escola promove um espaço criativo de debate sobre questões centrais para a arte contemporânea e para a atualidade. Pensadores e artistas do acervo do Instituto participam de três mesas temáticas mediadas pelos curadores do Inhotim. 

    Mesa Trabalho

    24 de maio, às 10h30

    Mediação: Rodrigo Moura

    Convidados:

    Marilá Dardot é mineira de Belo Horizonte. Formada em Comunicação Social na UFMG, é mestre em Linguagens Visuais pela Escola de Belas Artes da UFRJ. A Origem da Obra de Arte (2002), em caráter permanente no Inhotim, propõe uma reflexão acerca da construção das obras de arte. No Inhotim Escola, a artista aborda essas e outras questões que evolvem seu trabalho, como as técnicas e ferramentas usadas para criá-lo.

    Peter Pál Pelbart é filósofo, ensaísta e professor. Nasceu em Budapeste, na Hungria, mas vive na cidade de São Paulo, onde coordena a Companhia Teatral Ueinzz, formada por pacientes psiquiátricos do hospital-dia A Casa. Estudioso da obra de Gilles Deleuze, ele ajuda a discutir o papel do trabalho na sociedade.

    Francisco Alvim é poeta e diplomata. Começou a escrever ainda na adolescência, por influência de sua irmã, a poetisa Maria Ângela Alvim. Lançou seu primeiro livro, Sol dos Cegos, em 1968. Após um período em Paris atuando na Unesco, Alvim retornou ao Brasil e passou a integrar o  grupo literário Frenesi, atuante na poesia marginal dos anos 1970. No evento, ele fala do trabalho de escritor e do ofício da escrita.

     

    Mesa História

    Devido ao mau tempo na cidade do Rio de Janeiro nesta manhã, a artista Adriana Varejão e a historiadora Norma Côrtes não conseguiram embarcar para Belo Horizonte. Assim, a mesa prevista para esta tarde no Seminário Espaço, Trabalho e História, do Inhotim Escola, foi cancelada. Uma nova data será divulgada no site e nas mídias sociais do Inhotim em breve.


    Programação completa +

    24 de maio

    10h30 – Mesa Trabalho

    14h30 – Mesa História

    Local: Museu Histórico Abílio Barreto – Avenida Prudente de Morais, 202, bairro Cidade Jardim



    Dia 23 de maio de 2014

    Seminário Espaço, Trabalho e História

    Inhotim Escola promove um espaço criativo de debate sobre questões centrais para a arte contemporânea e para a atualidade. Pensadores e artistas do acervo do Instituto participam de três mesas temáticas mediadas pelos curadores do Inhotim. Confira a programação. 

    Mesa Espaço

    Mediação: Júlia Rebouças

    Convidados:

    Marcius Galan formou-se em Educação Artística pela FAAP e manteve residências na Cité des Arts, em Paris, e no Art Institute de Chicago. Venceu o prêmio Pipa, em 2012, que o levou ao Programa de Residências Gasworks. Possui duas obras em exposição no Inhotim: Seção Diagonal (2008) e Imóvel/Instável (2011), que criam diálogos sobre a escultura, a ilusão e a percepção do espaço.

    Fernando de Mello Franco é professor e doutor em arquitetura pela USP. Foi membro do grupo curador das bienais de arquitetura de Roterdã e Veneza e é Secretário de Desenvolvimento Urbano do Município de São Paulo. Na mesa, ele fala sobre a cidade como espaço urbano e seus desafios.

    Grace Passô é dramaturga, atriz e diretora de teatro, fundadora do Grupo Espanca!

    Entrada: gratuita, por ordem de chegada. A capacidade do teatro é de 100 pessoas.


    Programação completa +

    23 de maio

    19h30 – Mesa Espaço 

    Local: Museu Histórico Abílio Barreto – Avenida Prudente de Morais, 202, Cidade Jardim, Belo Horizonte.



    Dia 17 de maio de 2014

    Workshop Introdução ao Consumo Consciente

    Um Estilo de Vida Mais Sustentável, com Nísia Werneck.

    Nísia Werneck faz parte do Conselho Acadêmico do Instituto Akatu. Formada em Arquitetura pela UFMG, possui especialização em Urbanismo e em Análise Socio-econômica do Desenvolvimento Regional Econômico. Atualmente é Professora Associada do Núcleo de Gestão Responsável pela Sustentabilidade da Fundação Dom Cabral e Sócia Diretora da NOW Consultoria e Projetos Ltda.

    Inscrição: enviar breve currículo para educacaoambiental@inhotim.org.br. 20 vagas. 

     O projeto Consumo Consciente na Praça conta com o patrocínio da IBM por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura. 


    Programação completa +

    17 de maio

    9h às 16h – Workshop Introdução ao Consumo Consciente com Nísia Werneck.

    Local: Sala Multiuso do Museu Mineiro – Av. João Pinheiro, 342, Belo Horizonte.



    Dia 29 de abril de 2014

    Conversa com Fábio Feldmann

    Estilo de Vida Mais Sustentável

    Criador da Fundação SOS Mata Atlântica, Fábio Feldmann é referência na área de legislação ambiental no Brasil. Administrador de empresas e advogado, foi Secretário do Meio Ambiente do Estado de São Paulo entre 1995 e 1998 e hoje atua como consultor na área de desenvolvimento sustentável.

    A Conversa tem entrada gratuita e conta com o patrocínio da IBM por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.


    Fotos


    Programação completa +

    29 de abril

    19h – Conversa com Fábio Feldmann 
    Local: Biblioteca Pública Estadual Prof. Luiz de Bessa – Praça da Liberdade, 21 – Belo Horizonte



    Dia 16 de abril de 2014

    Conversa com Jochen Volz

     

    Conversa sobre comissionamento de arquitetura em pavilhões de arte, com apresentação de estudos de caso do Inhotim e da Serpentine Galleries. 

    Jochen Volz é curador chefe da Serpentine Gallery em Londres e curador do Instituto Inhotim, onde foi diretor geral entre 2005 e 2007 e como diretor artístico entre 2007 e 2012. Foi co-curador da 53a Bienal de Veneza em 2009 e curador convidado da 27ª Bienal de São Paulo em 2006. Entre 2001 e 2004, foi curador do Portikus em Frankfurt/Alemanha. Como crítico colabora para revistas e publicações especializadas.


    Fotos


    Programação completa +

    16 de abril

    19h30 – Conversa com o curador Jochen Volz
    Local: Museu Mineiro – Av. João Pinheiro, 342 – Belo Horizonte



    Dia 12 de novembro de 2013

    Conversa sobre Curadorias

    Conversa com Rodrigo Moura, Júlia Rebouças e Paulo Maia. Membros integrantes da equipe curatorial do Instituto Inhotim, Rodrigo e Júlia desenvolveram em 2013 projetos fora do escopo institucional e agora compartilham com o público suas experiências. Rodrigo Moura, juntamente com o pesquisador Paulo Maia, curou a mostra "Estado Oculto", como parte do 43 Salón (inter)Nacional de Artistas de Colombia, em Medellín. A exposição busca fazer uma aproximação entre os campos da arte contemporânea e da visualidade indígena. Júlia Rebouças, por sua vez, é uma das curadoras adjuntas da 9a Bienal do Mercosul / Porto Alegre, que nesta edição tem como título "Se o clima for favorável" e trata da relação entre cultura e natureza. A conversa pretende revisitar estratégias curatoriais e de pesquisa, bem como percorrer a documentação da montagem. A conversa conta com a parceria do Museu Mineiro.


    Fotos


    Programação completa +

    19h - Conversa sobre Curadorias

    Local: Museu Mineiro, Av. João Pinheiro, 342, Belo Horizonte. 
    Entrada Gratuita, 50 lugares.



    Dias 25 de outubro a 3 de novembro de 2013

    Encontro com Babette Mangolte

    Babette Mangolte é uma artista, fotógrafa e cineasta franco-americana que articula seu trabalho entre o documento e a experimentação. Conhecida pelo registro da cena de dança e performance em Nova York nos anos 1970, Mangolte desenvolveu paralelamente um vigoroso pensamento sobre a imagem em movimento e a fotografia em que os temas do corpo, do espaço e da representação têm protagonismo. Objeto de uma exposição em Inhotim, a artista também é a convidada da série Encontros, com uma mostra dedicada a sua produção cinematográfica dos anos 1970 até agora e um programa de obras de outros cineastas selecionadas por ela.


    Fotos


    Programação completa +

    25 de outubro

    19h30 Abertura da Mostra Babette Mangolte
    Conversa com a artista
    21h Exibição do filme The Camera: Je or La Camera: I,  Babette Mangolte | 1977 |88’
    Local: Memorial Minas Gerais – Vale, Praça da Liberdade
    Entrada Gratuita.

    26 de outubro

    16h – Mes Nuits Sont Plus Belles que Vos Jours – Monologues
    Cinema de Artista curado por Babette Mangolte
    Pull My Daisy, Robert Frank & Alfred Leslie |1959 |29’
    Naked Lunch Excerpts (You Got Any Eggs For Fats?)  e Dinner Conversation (The Snakes), voz de William S. Burroughs e música de Frank Denning |7’16” | somente áudio
    Blonde Cobra, Bob Fleischner and Ken Jacobs | 1963 |33’
    Prelude: Dog Star Man, Stan Brakhage | 1961 |25’
    Arizona, parte de Four Pieces by Morris, Babette Mangolte | 1993 | 18’
    Local: Memorial Minas Gerais – Vale, Praça da Liberdade
    Entrada Gratuita.

    29 de outubro

    16h – Mes Nuits Sont Plus Belles que Vos Jours – Monologues
    Cinema de Artista curado por Babette Mangolte
    Pull My Daisy, Robert Frank & Alfred Leslie |1959 |29’
    Naked Lunch Excerpts (You Got Any Eggs For Fats?)  e Dinner Conversation (The Snakes), voz de William S. Burroughs e música de Frank Denning |7’16” | somente áudio
    Blonde Cobra, Bob Fleischner and Ken Jacobs | 1963 |33’
    Prelude: Dog Star Man, Stan Brakhage | 1961 |25’
    Arizona, parte de Four Pieces by Morris, Babette Mangolte | 1993 | 18’
    Local: Memorial Minas Gerais – Vale, Praça da Liberdade
    Entrada Gratuita.

    30 de outubro

    16h – Mes Nuits Sont Plus Belles que Vos Jours – Monologues
    Cinema de Artista curado por Babette Mangolte
    Pull My Daisy, Robert Frank & Alfred Leslie |1959 |29’
    Naked Lunch Excerpts (You Got Any Eggs For Fats?)  e Dinner Conversation (The Snakes), voz de William S. Burroughs e música de Frank Denning |7’16” | somente áudio
    Blonde Cobra, Bob Fleischner and Ken Jacobs | 1963 |33’
    Prelude: Dog Star Man, Stan Brakhage | 1961 |25’
    Arizona, parte de Four Pieces by Morris, Babette Mangolte | 1993 | 18’
    Local: Memorial Minas Gerais – Vale, Praça da Liberdade
    Entrada Gratuita.

    31 de outubro

    19h30h – Mes Nuits Sont Plus Belles que Vos Jours – Monologues
    Cinema de Artista curado por Babette Mangolte
    Pull My Daisy, Robert Frank & Alfred Leslie |1959 |29’
    Naked Lunch Excerpts (You Got Any Eggs For Fats?)  e Dinner Conversation (The Snakes), voz de William S. Burroughs e música de Frank Denning |7’16” | somente áudio
    Blonde Cobra, Bob Fleischner and Ken Jacobs | 1963 |33’
    Prelude: Dog Star Man, Stan Brakhage | 1961 |25’
    Arizona, parte de Four Pieces by Morris, Babette Mangolte | 1993 | 18’
    Local: Memorial Minas Gerais – Vale, Praça da Liberdade
    Entrada Gratuita.

    1º de novembro

    Mostra Babette Mangolte
    17h – The Cold Eye (My darling, be careful), Babette Mangolte | 1980 | 90’
    19h – Four Pieces by Morris, Babette Mangolte | 1993 | 94’
    21h – (Now) or Maintenant Enter Parentheses, Babette Mangolte | 1976 | 10’
    What Maise Knew, Babette Mangolte |1973-75 | 58’
    Local: Cine Humberto Mauro, Palácio das Artes
    Entrada Gratuita.

    2 de novembro

    Mostra Babette Mangolte
    16h – Calico Mingling, Babette Mangolte |1973 | 10’
    Watermotor, Babette Mangolte |1978 |7’
    Yvonne Rainer: AG INDEXICAL with a little help from H.M., Babette Mangolte |2007 | 44’
    Yvonne Rainer RoS INDEXICAL, Babette Mangolte |2008 | 42’
    18h – The sky on location, Babette Mangolte  | 1982 | 78’
    20h – The Camera: Je or La Camera: I,  Babette Mangolte | 1977 |88’
    Local: Cine Humberto Mauro, Palácio das Artes
    Entrada Gratuita.

    3 de novembro

    Mostra Babette Mangolte
    16h – (Now) or Maintenant Enter Parentheses, Babette Mangolte |1976 | 10’
    What Maise Knew, Babette Mangolte |1973-75 | 58’
    18h – The sky on location, Babette Mangolte |1982 | 78’ 
    20h – Les Modeles des Pickpocket, Babette Mangolte | 2003 |89’
    Local: Cine Humberto Mauro, Palácio das Artes
    Entrada Gratuita.

    Endereços:  
    Memorial Minas Gerais – Vale: Praça da Liberdade, s/nº , esquina com rua Gonçalves Dias. Capacidade: 80 lugares.  
    Cine Humberto Mauro: Fundação Clóvis Salgado, Av. Afonso Pena, 1537 – Centro. Capacidade: 136 lugares.  

    A mostra Mes Nuits Sont Plus Belles que Vos Jours – Monologuesfoi curada originalmente por Babette Mangolte para a Bienal de Berlim de 2008. Agradecemos a seus curadores Adam Szymczyk e Elena Filipovic e também à Deutsche Kinemathek (Cinemateca Alemã) e à Arsenal Kino e sua diretora, Stefanie Schulte Strathaus.



    Dias 15 de agosto a 14 de setembro de 2013

    Encontro com Dominique Gonzalez-Foerster

    Na segunda edição da série Encontros, Inhotim Escola traz para Belo Horizonte a artista Dominique Gonzalez-Foerster. Autora das obras Desert Park (2010) e Promenade (2007), ambas integrantes do acervo do Instituto Inhotim, a artista desenvolve trabalhos em diversos suportes, que buscam em disciplinas como literatura e cinema referências e desafios para um diálogo que se realiza no campo das artes visuais. Além de conversa com a artista, o programa abarca ainda um workshop e exibições de filmes e vídeos de Dominique Gonzalez-Foerster, organizados em programas temáticos e também relacionados a filmes de outros diretores. 

    Este programa surgiu do interesse de discutir a obra de Dominique Gonzalez-Foerster, artista importante do acervo de Inhotim, e também tem como mote o livro Literatura Expandida – arquivo e citação na obra de Dominique Gonzalez-Foerster, da pesquisadora Ana Pato. A publicação examina em profundidade a obra da artista, salientando uma prática que faz uso de citações e referências tal qual uma arquivista, fazendo com que artes visuais e literatura se encontrem na produção de novos textos sobre a contemporaneidade. Ana Pato ministra o workshop e também participa do programa curando uma mostra de filmes da artista, juntamente Jochen Volz, curador de Inhotim.


    Fotos


    Programação completa +

    15 de agosto

    16h – conversa com artista
    18h30 – exibição especial de filmes
    Local: Memorial Minas Gerais – Vale, Praça da Liberdade

    16 e 23 de agosto

    19h30 – exibição especial de filmes
    Local: Memorial Minas Gerais – Vale, Praça da Liberdade

    21 a 23 de agosto

    14h30 às 17h30 – Workshop Práticas artísticas no arquivo: a citação corrompida na obra de Dominique Gonzalez-Foerster, com Ana Pato 
    Local: Museu Mineiro, Av. João Pinheiro, 342
    Inscrições gratuitas: inhotimescola@inhotim.org.br
    15 vagas 

    13 e 14 de setembro

    Mostras de filmes de Dominique Gonzalez-Foerster 
    Local: Cine Humberto Mauro, Palácio das Artes



    Dias 29 de junho a 26 de julho de 2013

    Encontro com Apichatpong Weerasethakul

    O artista Apichatpong Weerasethakul, diretor e produtor de cinema independente reconhecido internacionalmente, abre a série Encontros, promovida pelo Inhotim Escola e Vale. Os projetos artísticos e longas-metragens de Apichatpong Weerasethakul lhe renderam reconhecimento internacional e diversos prêmios, incluindo a Palma de Ouro do Festival de Cannes em 2010, com seu filme Tio Boonmee, Que Pode Recordar Suas Vidas Passadas (2010). A conferência com o artista será mediada pela diretora de programas artísticos e culturais do Inhotim, Eungie Joo. “Apichatpong Weerasethakul é um contador de histórias como nenhum outro. Sua prolífica contribuição para os filmes e arte contemporânea se infiltra na imaginação. Cada projeto é uma experiência visual, sonora e emocional do lugar do homem no mundo natural – uma visão complementar à do Inhotim”, afirma Eungie Joo. Sobre o cinema, Apichatpong diz: “Segredos. Excitação. Proibido manter as coisas escondidas. Luxúria e morte. Estas são as palavras que definem o cinema para mim”. 

    Apichatpong nasceu em Bangkok, em 1970, e cresceu em Khon Kaen, no nordeste da Tailândia. Graduado em arquitetura pela Universidade de Khon Kaen, fez mestrado em Belas Artes na Escola do Art Institute of Chicago. Começou a dirigir curtas-metragens em 1994 e completou seu primeiro longa-metragem em 2000. Frequentemente não linear e com forte senso de deslocamento, o trabalho de Apichatpong trata da memória, sutilmente abordando políticas pessoais e questões sociais. O artista trabalha fora da estrutura comercial do cinema tailandês e é ativo na promoção de filmes experimentais e independentes através de sua produtora Kick the Machine, fundada em 1999. Em 2008, foi o primeiro artista a ganhar o Fine Prize do 55º Carnegie International pela instalação Unknown Forces (2007). Apichatpong recebeu, em 2005, o Prêmio Silpatorn, a mais prestigiosa premiação tailandesa de arte contemporânea. 


    Fotos


    Programação completa +

    29 de junho

    16h – conversa com o artista
    Local: Memorial Minas Gerais – Vale, Praça da Liberdade

    19h30 – Tio Boonmee, Que Pode Recordar Suas Vidas Passadas (Loong Boonmee raleuk chat), de Apichatpong Weerasethakul.| (12 anos) | 114’ 
    21h45 – Mal dos Trópicos (Sud pralad), de Apichatpong Weerasethakul | (16 anos) | 118’ 
    Local: Cine Humberto Mauro, Palácio das Artes

    30 de junho

    19h30 – Eternamente Sua (Sud sanaeha, Tailândia e França), de Apichatpong Weerasethakul | (16 anos) | 125’ 
    21h45 – Tio Boonmee, Que Pode Recordar Suas Vidas Passadas (Loong Boonmee raleuk chat), de Apichatpong Weerasethakul | (12 anos) | 114’ 
    Local: Cine Humberto Mauro, Palácio das Artes

    01 de julho

    17h – conversa com artista 
    19h – Mal dos Trópicos (Sud pralad), de Apichatpong Weerasethakul | (16 anos) | 118’ 
    21h15 – Eternamente Sua (Sud sanaeha), de Apichatpong Weerasethakul | (16 anos) | 125’ 
    Local: Cine Humberto Mauro, Palácio das Artes

    02 de julho

    19h – Tio Boonmee, Que Pode Recordar Suas Vidas Passadas (Loong Boonmee raleuk chat), de Apichatpong Weerasethakul | (12 anos) | 114’ 
    21h15 – Eternamente Sua (Sud sanaeha, Tailândia e França), de Apichatpong Weerasethakul | (16 anos) | 125’ 
    Local: Cine Humberto Mauro, Palácio das Artes

    05 e 26 de julho

    Programa de Curtas A – Apichatpong Weerasethakul 

    19h30 – 
    Anthem | 5’
    0116643225059 | 5’19
    Like the Relentless Fury of the Pounding Waves | 22’37
    Windows | 11’56
    Monsoon 
    Thirdworld | 16’38 
    Local: Memorial Minas Gerais – Vale, Praça da Liberdade

    12 de julho

    Programa de Curtas B – Apichatpong Weerasethakul 

    19h30 – Anthem | 5’
    Ghost of Asia | 9’11
    Nokia Short | 2’
    This and a Million More Lights | 1’
    Emerald | 11’
    Worldly Desires | 42’32
    Local: Memorial Minas Gerais – Vale, Praça da Liberdade

    19 de julho

    Programa Bienal de Sharjah 

    Curado por Apichatpong Weerasethakul para a Bienal de Sharjah de 2013 e cedido para o Inhotim Escola, o programa exibe curtas de 13 realizadores, de diversas nacionalidades, e tem duração de 104’. 

    19h30 – A Brief History of Memory, de Chulayarnnon Siriphol | Tailândia | 14’
    Conference, de Norbert Pfaffenbichler | Áustria | 8’
    ZAHY – Uma Fábula Sobre Maracanã, de Felipe Bragança | Brasil | 5’
    Imelda Goes to Singapore, de Brian Gothong | Singapura | 3’
    The Fugitive Apparitions, de Georges Melies | França | 2’
    Broken Down Film, de Osamu Tezuka | Japão | 6’
    Acute Encephalitis Lethargica, da Wellcome Collection | Reino Unido | 3’
    The Haunted Camera, de Nancy Andrews | EUA | 31’ 
    Kopi Julia, de Tan Bee Yhianm | Singapura | 7’
    Ghosts in The Classroom, de Ukrit Sa-Nguanhai | Tailândia | 2’
    A Ripe Volcano, de Taiki Sakpisit | Tailândia | 15’
    Roundhay Garden Scene, Louis Le Prince | Reino Unido | 2’
    In der Nacht. Walter Ruttmann | Alemanha | 7’ 

    Local: Memorial Minas Gerais – Vale, Praça da Liberdade



    Dias 22 de março a 23 de março de 2013

    Seminário Natureza, Tempo e Poesia

    O Seminário Natureza, Tempo e Poesia marca o lançamento do Inhotim Escola. O evento conta com a presença de importantes artistas do acervo do Inhotim, como Tunga, Ernesto Neto, Jorge Macchi e Rivane Neuenschwander, além do músico e produtor Arto Lindsay e a atriz e diretora artística do Teatro Oficina, Camila Mota. Após as palestras, o público é convidado para participar de um sarau na Praça da Liberdade com programação de música, poesia, teatro e dança.


    Fotos


    Programação completa +

    22 de março

    19h – Lançamento do Inhotim Escola com palestra do artista Tunga.
    Local: Teatro da Biblioteca Pública Luiz Bessa 

    23 de março

    10h -Mesa-redonda com Camila Mota, Ernesto Neto e Rodrigo Moura.
    15h – Mesa-redonda com Arto Lindsay, Jorge Macchi e Rivane Neuenschawander.
    Local: Teatro da Biblioteca Pública Luiz Bessa 
    18h -Sarau aberto ao público com programação de música, poesia, teatro e dança.
    Local: Praça da Liberdade