• EN
  • 05 de julho de 2017

    Redação Inhotim


    experiênciasMECAInhotimvisita

    Leitura: 8 min

    Inhotim oferece programação especial durante o MECA

    Inhotim oferece programação especial durante o MECA

    O MECAInhotim acontece nesta sexta-feira (7), sábado (8) e domingo (9) com uma programação que mistura música, palestras e diversas outras experiências nos espaços do Instituto. Além dos shows de artistas nacionais e internacionais, o festival também vai contar com uma programação especial pensada pelas diferentes equipes do Inhotim, a fim de mostrar como os temas relacionados à instituição podem ser abordados de formas diferentes.

    As atividades acontecerão dentro do horário de funcionamento normal do Parque, das 9h30 às 16h30 na sexta e das 9h30 às 17h30 nos finais de semana. Logo depois, a programação noturna segue com os shows.

    Confira as experiências inéditas preparadas pelo Inhotim para o público do MECA e participe:

    SÁBADO, 08 DE JULHO

    As plantas psicoativas e a arte de Adriana Varejão e Tunga
    A visita mediada irá abordar as plantas psicoativas presentes na Galeria Adriana Varejão (G7), seus usos por populações tradicionais e na medicina atual, deslocamentos da percepção causados pela Galeria Psicoativa Tunga (G21) e a conexão das plantas nativas e exóticas do entorno com a temática. Através de uma caminhada entre as galerias e investigações em algumas de suas obras, a atividade propõe provocar a discussão sobre essas plantas que geralmente carregam conceitos e pré-conceitos, tendo como ponto de partida os acervos de arte e de botânica do Inhotim.
    Horário/Local de saída: Das 11h às 13h / destaque botânico Corifa (B12), ao lado da Galeria Adriana Varejão (G7)

    InhotimCaching: nos bastidores do Meio Ambiente
    Já pensou desvendar o Inhotim e os bastidores relacionados à Gestão Ambiental, usando o GPS do celular como ferramenta? Serão distribuídos pelo Parque diversos tipos de objetos (cachings) escondidos em locais estratégicos, que serão localizados por meio de aplicativo de geolocalização. A cada caching, os participantes vão descobrir dados e locais inusitados que podem passar despercebidos em uma visita tradicional. Cada caching conterá uma informação, elemento ou instrumento instigante, aprofundando a experiência no Inhotim.
    Horário/Local de saída:  Das 10h às 12h / Caching Ponto de Partida (indicado no APP Geocaching)

    Oficina de Minijardim: cultivo doméstico e consumo consciente
    Na oficina, os visitantes receberão noções básicas de jardinagem e dicas de plantio para produzir sua própria jardineira em casa. Serão utilizadas algumas espécies de plantas aromáticas e condimentares, que podem ser utilizadas no contexto doméstico. A oficina também estimula reflexões sobre boas práticas ambientais e consumo consciente.
    Horário/Local de saída: Das 11h às 13h / Largo das Orquídeas (J7)

    Pequenos Propositores: Atividade para crianças
    Enquanto os responsáveis visitam Inhotim e participam de outras atividades do festival, as crianças, acompanhadas pelos educadores do Instituto, realizam uma visita e práticas educativas que exercitam a criatividade e constroem significados sobre os acervos artístico, botânico e histórico-cultural do Instituto a partir do olhar dos participantes.
    Horário/Local de saída:  Das 10h às 16h / Recepção

    DOMINGO, 09 DE JULHO

    As orquídeas no paisagismo do Inhotim
    A partir da experiência como orquidófilo e monitor do Inhotim, Luan Almeida irá conduzir visita mediada sobre as orquídeas e a disposição das flores no paisagismo do Parque. Além de conhecer os espaços destinados às Cattleya walkeriana e Vandas, os participantes receberão dicas de cultivo, informações e curiosidades sobre o tema.
    Horário/Local de saída: Das 10h às 12h / Largo das Orquídeas (J7)

    Por que ainda fotografamos?
    A proposta da conversa e abordar o ato fotográfico na contemporaneidade contemplando o tempo como fator fundamental. Vamos partir do princípio de que o tempo é a unidade de medida essencial que atesta a existência humana e essa noção vem contagiando cada vez mais a ação de fotografar. Em nenhum momento da história, com os avanços técnicos das artes, nada ficou tão popular e de fácil alcance quanto a fotografia. Fotografamos, compartilhamos e, tão breve quanto o clique do ato, desaparecemos. Assim voltamos às perguntas “Por que ainda fotografamos?”, “O que nos leva ao registro e ao desaparecimento?”, “A fotografia popular que conhecemos hoje é o chamado que diz o que sobre nosso tempo?”.
    Horário/Local de saída: Das 11h às 13h / Obra de Edgard de Souza (A16)

    Missão Inhotim: um passeio com quem faz as redes sociais do Parque
    Como você retrataria o Inhotim se assumisse as redes sociais do Instituto por um dia? Nesse encontro, será feito um bate-papo itinerante pelos espaços do Parque realizado pela equipe de comunicação do Instituto. Nessa visita, o convite é para pensar e discutir a comunicação no contexto complexo da contemporaneidade, tendo o Inhotim como ponto de partida. O percurso permitirá trocas de ideias para pessoas com interesse em mídias sociais, marketing etc. que querem conhecer os processos de bastidores da comunicação do Inhotim.
    Horário/Local de saída:  Das 11h às 13h / Galeria Praça (G3)

    Horta, horto ou jardim?
    Realizado no Jardim de Todos os Sentidos (J1), no Viveiro Educador, o workshop tem como objetivo principal o ensino quanto à utilização paisagística, gastronômica e medicinal das espécies que fazem parte do Jardim Botânico Inhotim. A atividade conta também com o compartilhamento de experiências e saberes, incluindo a oportunidade dos participantes tirarem dúvidas com especialistas sobre diferentes temas relacionados ao paisagismo.
    Horário/Local de saída:  Das 11h às 13h / Jardim de Todos os Sentidos (J1)

    comente

    • Twitter
    • Facebook
    • Google +
    12 de junho de 2017

    Redação Inhotim


    arteeventoexposiçãoJorge BenjorKarol ConkaMECAmúsicaworkshop

    Leitura: 5 min

    Tudo sobre o MECAInhotim – 2ª edição

    Tudo sobre o MECAInhotim – 2ª edição

    Tá chegando a hora de receber a 2ª edição do MECAInhotim, evento multicultural que mistura shows, palestras, workshops, exposições, entre outras atividades e experiências dentro do Inhotim.
    Vem conferir tudo que vai rolar nos 3 dias de festival!

    Pra marcar na agenda
    O evento acontece nos dias 7, 8 e 9 de julho, no Instituto Inhotim, em Brumadinho/MG.
    Na sexta-feira, a entrada para o MECAInhotim começa às 17h. No sábado e no domingo, o público pode acessar o Inhotim a partir de 9h30.

    Vai ter show
    Este ano, o evento conta com apresentações de artistas nacionais e internacionais. No line-up, estão Jorge Ben Jor, Karol Conka, os Djs Joakim (França) e Pional (Espanha), Stee Downes, Silver City, Ventre, Terno Rei, MOONS, Lumen Kraft, Lia Paris, Balako e muito mais.

    Vai ter palestra
    Nesta edição, as palestras abordam várias formas de empreendedorismo e contam com a participação da atriz Alice Braga e da apresentadora Marina Person.
    João Cavalcanti, co-fundador da BOX 1824, empresa de consultoria e pesquisa em cultura, falará sobre o “novo código digital” e como isso afeta diretamente a sociedade.
    Monique Dardenne e Claudia Assef, criadoras do Women’s Music Event (WME), explicarão como usam a plataforma digital para auxiliar mulheres no mercado da música e superar o preconceito.
    Barbara Soalheiro, idealizadora da consultoria Mesa & Cadeira, falará sobre o futuro do trabalho e o que fazer para não se tornar obsoleto.
    Carlota Mingolla, ativista que estuda as tendências e inovações na política, abordará o papel do cidadão na História, citando exemplos de cultura hacker que ajudam na renovação da política institucional.

    Vai ter day party
    Carol Mattos e Belisa (Masterplano), Lucio Ribeiro (Popload), Fernando Dotta e Rafael Farah (Balaclava), Filipe Raposo (RARA), Rodrigo Peirão e Diogo Strausz (Balako), Guga Roselli (Mareh), Vitor Sobrinho (Push), Lari Busch, Pedro Valério, Mark Daniel, Juli Baldi, Xeréu, Dollah Karmah e Leandro Matos são as atrações que assumem o palco à luz do dia, ao pôr-do-sol ou madrugada adentro.

    Vai ter camping
    Mais uma vez, será possível acampar perto do estacionamento do Instituto Inhotim. A empresa Overland disponibiliza estrutura de água, luz e segurança. Estão disponíveis vários modelos e tamanhos de barracas.
    Você também pode conferir outras opções de hospedagem em BH, Brumadinho e região aqui.

    Vai ter muito mais
    Os dias de MECAInhotim são oportunidades para conhecer mais sobre os acervos do Parque e acompanhar visitas mediadas, workshops, mesas-redondas e várias outras experiências.
    Confirme presença no Facebook do evento e fique por dentro das atualizações na programação.

    Onde compro os ingressos?
    Os ingressos já estão à venda no site do MECA (www.meca.love/mecainhotim) e variam de R$ 40,00 (ingresso inteira, para a sexta, a partir de 17h) a R$ 390,00 (passaporte inteira antecipado para os três dias) e em pontos de venda em São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte.
    Atenção: O valor do passaporte muda de acordo com o lote e vai virar no dia 16/06, então corre pra garantir o seu!

    São Paulo
    Perestroika – SP (Rua Fidalga, 66. Vila Madalena)
    (11) 99730-6576 | seg a sexta: 10h-19h

    MECASpot (Rua Artur de Azevedo, 499. Pinheiros)
    (11) 2538-3516 | seg a sexta: 13h-19h

    Rio de Janeiro
    Perestroika RIO (Rua Martins Ferreira, 12. Botafogo)
    (21) 99797-5127 | seg a sexta: 10h-19h

    Belo Horizonte
    Anticool Store (Av. Cônsul Antônio Cadar, 122. São Bento)
    (31) 3327-3448 | seg a sexta: 10h-19h | sab: 10 as 16h | domingo: fechado

    GUAJA (Av. Afonso Pena, 2881. Funcionários)
    (31) 21271517 | seg – quinta: 08h–23h | sex: 08h-00h30 | sáb: 09-00h30 | dom: fechado

    Formas de pagamento: Dinheiro, cartão e parcelamento até 3 vezes.

    Alguma dúvida?
    Confira mais informações no site do MECA.

    comente

    • Twitter
    • Facebook
    • Google +
    04 de novembro de 2016

    Redação Inhotim


    Leitura: 5 min

    Confira como o Parque funciona durante os dias de MECAInhotim

    mecainhotim_126

    O Inhotim terá um funcionamento especial neste fim de semana, dias 5 e 6/11, em que é esperado um público maior que o usual com a realização do MECAInhotim. A visitação funciona normalmente, com alguns ajustes na dinâmica do Parque para conciliar a experiência de visita com a programação do festival.

    Alguns pontos importantes:

    O espaço ao redor do Magic Square, incluindo a obra, estará reservado para atividades do MECAInhotim e acessível apenas ao público do festival. Com essa alteração, o acesso ao restaurante Oiticica para os visitantes acontecerá apenas pelo caminho ao lado da Galeria Marcenaria. A passagem para o restaurante pelo Centro de Educação e Cultura Burle Marx só poderá ser utilizada pelo público credenciado do MECAInhotim.
    Para receber com qualidade tanto os visitantes do Parque quanto os frequentadores do festival, nos organizamos com uma oferta extra de pontos de alimentação e bebidas que estarão disponíveis para todos que estiverem no Inhotim. Os pontos extras funcionarão com um sistema unificado de fichas do MECAInhotim, que poderão ser adquiridas em pontos estratégicos dentro do Parque. Ao chegar, se informe sobre detalhes na recepção.
    Parceiros muito especiais foram convidados para que a experiência de se alimentar no Inhotim seja também algo memorável nestes dois dias. Confira as opções disponíveis nestes dois dias:

    Restaurante Tamboril
    Serve seu tradicional buffet de cozinha brasileira e internacional com valor fixo que inclui saladas, pratos quentes e sobremesa.
    Café das Flores
    Charmoso espaço próximo à recepção, tem opções lanches e pratos na hora do almoço, com destaque para o pão de queijo com pernil da chef Dailde. Espaços com funcionamento especial com fichas MECAInhotim, vendidas em pontos distribuídos pelo Parque.

    Restaurante Oiticica
    Durante o MECAInhotim, quem assume a cozinha do Restaurante Oiticica é o chef Henrique Gilberto, que hoje comanda o Buffet Rullus. No restaurante com vista para o lago, Henrique une-se ao empresário Tulio Pires para a Experiência Rullus, servindo pratos aconchegantes e cheios de história.

    Café do Teatro
    Por dois dias, o espaço será ocupado pelo OOP Café. A casa da mineira Adriene Cobra e do paraense Tiago Damasceno serve cafés especiais em um ambiente moderno na Savassi. A dupla garimpa grãos de várias cidades e estados para servir em diferentes métodos de extração. O espaço também terá opções de lanches.

    No estacionamento
    Chefs das três casas do House of Food, em São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte, vão ao Instituto Inhotim servir pratos das mais diversas especialidades, como a culinária mineira, portuguesa, opções vegetarianas e hambúrgueres.

    Galeria True Rouge
    Criada pela especialista Dani Lieuthier, a Caminho do Chá possui uma carta com 42 blends importados de 12 países, além de 15 misturas que ela mesma criou. Durante o evento, ela vai servir seus chás e um blend que criou especialmente para o MECAInhotim.

    Lanchonete próxima à Rivane
    A Gutini desembarca no MECAInhotim com drinques e comidinhas. Leve e crocante, a estrela da casa é o arancini, um bolinho de risoto tradicional da ilha da Sicília, no sul da Itália. Destaca-se também uma combinação leve de massa com compota caseira de berinjela, além das refrescantes sangrias de vinho tinto e branco.

    Galeria Galpão
    Braço gastronômico do descolado coworking mineiro GUAJA, o Bar do Convés é uma hamburgueria artesanal que investe em receitas mineiras, vegetarianas e clássicas. Todos os pratos acompanham batata rústica, mandioca ou polenta frita, servidas com o ketchup de goiabada da casa.

    Galeria Fonte
    A BICA nasceu da vontade de aproximar as pessoas do universo dos cafés especiais e dos pequenos produtores. A fundadora e barista Juliana Ganan selecionou dois microlotes de grãos do sul de Minas para preparar um coado fresquinho durante todo o evento.

    comente

    • Twitter
    • Facebook
    • Google +
    01 de setembro de 2016

    Redação Inhotim


    Leitura: 4 min

    Inhotim abre duas novas exposições temporárias

    Na próxima quinta-feira, 8/09, o Inhotim faz sua inauguração anual, desta vez com novas exposições temporárias nas Galerias Mata e Lago. Tomando os dez anos do Instituto como momento simbólico de reflexão sobre a trajetória da instituição,“Por aqui tudo é novo” e “Light” articulam trabalhos de diferentes momentos da cronologia do Inhotim, criando novas leituras sobre o acervo.

    Apresentada na Galeria Mata, “Por aqui tudo é novo…” surge a partir do relato do viajante James W. Weels, que, no final do século 19, passou por Brumadinho e se surpreendeu com a região. Ao refletir sobre a história da instituição e suas projeções para o futuro, a exposição coloca em evidência produções de artistas mais jovens da Coleção Inhotim, como Pablo Accineli, Erika Verzutti ou Sara Ramo, ao mesmo tempo em que reapresenta trabalhos que marcaram os primeiros anos do Instituto, como a instalação Método para Arranque e Deslocamento (1992-1993), do brasileiro José Damasceno, anteriormente exposta na mesma galeria, em 2007. A mostra busca também conexões a partir de linguagens artísticas mais recentes que as instituições culturais têm integrado em suas coleções. É o caso de Marra (1996), da série Homem=Carne/Mulher=Carne, ação performática de Laura Lima que pertence à Coleção Inhotim, e que será realizada somente no dia de abertura da exposição, 8/09.

    Sara Ramo_montagem_blog

    Sara Ramo durante a montagem da exposição “Por aqui tudo é novo…”

    Dando continuidade à construção de narrativas que projetem o futuro da coleção do Instituto, a Galeria Lago apresenta a mostra “Light”, que articula trabalhos que exploram a luz enquanto elemento sensorial e intangível, mas, ao mesmo tempo, concreto e material no uso que lhe é dado por diferentes artistas. “Light” é uma expressão dos diversos caminhos narrativos que o Inhotim ainda tem para explorar à medida que seu público se familiariza com a coleção, e da possibilidade de sempre refletir sobre aspectos singulares da experiência sensorial neste espaço. Ao redor do trabalho seminal do argentino David Lamelas, Limit of a proyection I (1967), instalação que explora a relação fronteiriça de luz e sombra, a pesquisa curatorial “joga luz” sobre relações inéditas entre trabalhos de Cildo Meireles, Cao Guimarães e Rivane Neuenschwander, Cláudia Andujar, Luisa Lambri, Marcellvs ou Jonathan Monk, criando diálogos entre obras de diferentes épocas da história do Inhotim. Estabelecem-se “conversas” sobre a dicotomia entre rarefação e acumulação, entre esse recorte e as instalações de Iran do Espirito Santo e Dominik Lang, relacionadas à memória dos materiais que afeta a percepção.

    “Por aqui tudo é novo” e “Light” procuram dar mais um passo no constante processo de reflexão e construção coletiva de significados sobre o acervo e o futuro do Inhotim, revelando novas associações em sua extensa coleção de aproximadamente 1.300 obras de arte. Também se destaca a inclusão de Natureza Espiritual da Realidade III (2015), de Luiz Zerbini, à exposição “amor lugar comum”, inaugurada em 2013 na Galeria Praça, com diversos trabalhos do mesmo artista.

    comente

    • Twitter
    • Facebook
    • Google +
    27 de julho de 2016

    Redação Inhotim


    Leitura: 16 min

    Seminário Internacional de Educação

    Compre seu ingresso aqui.

    O 3º Seminário Internacional de Educação Inhotim – Experiências em Trânsito pretende criar um ambiente inspirador para discutir formas de ressignificação de espaços, identidades e relações.

    Conheça a programação e os palestrantes de cada dia:

    PROGRAMAÇÃO

    01/09

    10h às 10h30 – Credenciamento.
    10h30 às 12h30 – Conversa inaugural EDUCAÇÃO HUMANIZADORA: MÚLTIPLAS PERSPECTIVAS, com o Professor José Pacheco (Portugal).
    12h30 às 14h – Almoço.
    14h às 16h30 – PRÁTICAS EM DIÁLOGO: FORMAÇÃO E APRENDIZAGENS.
    Natacha Costa (Brasil)
    Genebaldo Freire Dias (Brasil)
    Colaboração de professores que participaram do projeto educativo do Inhotim, Descentralizando o Acesso.
    Mediação: Júlia Torres

    Conheça os palestrantes do dia:

    JosePacheco_pqProfessor José Pacheco – Portugal
    Educador, pedágogo, especialista em Leitura e Escrita, mestre em Ciência da Educação pela Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto. Idealizador da Escola da Ponte, em Portugal, instituição que se notabilizou pelo projeto educativo baseado na autonomia dos estudantes. É autor de inúmeros livros e artigos sobre educação e um grande dinamizador da gestão democrática. Em 2007, adotou o Brasil como “Mátria” e, desde então, vem rodando o país, mobilizando professores, educadores, estudantes, crianças, jovens e entusiastas da educação que acreditam em uma transformação democrática por meio da educação, da integração comunitária e das artes.

    NatachaCosta_mqNatacha Costa – Brasil
    Diretora da Associação Cidade Escola Aprendiz desde 2006. Criou e é responsável pelo desenvolvimento estratégico do Centro de Referencias em Educação Integral. Atuou como Júri do prêmio WISE de Inovação em Educação nos anos 2012 e 2013. Atualmente é membro da Comissão Editorial de Educação Integral em Tempo Integral pela Fundaj/MEC e coordenadora da Rede de Inovação e Criatividade na Educação Básica. Além disso, em 2016 foi selecionada para participar do Programa Líderes Transformadores da Educação promovido pela Fundación SM e que reúne educadores da América Latina e Espanha.

    GenebaldoDias_pqGenebaldo Freire Dias – Brasil
    Prof. Genebaldo Freire Dias é bacharel, mestre e doutor em Ecologia pela Universidade de Brasília (UnB). Professor, pesquisador e diretor de cursos de Mestrado em Planejamento e Gestão Ambiental da Universidade Católica de Brasília (1985-2013); analista ambiental do IBAMA (1989-2014) onde foi diretor do Parque Nacional de Brasília, chefe do Departamento de Educação Ambiental e coordenador do Núcleo de Educação Ambiental do Prevfogo. Nos seus 40 anos de atividade acadêmica e ativismo ambiental, publicou 19 livros sobre a temática. Atua como consultor sênior independente.

    Dia 02/09

    10h às 12h30 – JUVENTUDES EM REDE: UM MUNDO ALÉM DAS FRONTEIRAS
    Mona Jas (Alemanha)
    Jefferson Sooma  (Brasil)
    Yara Castanheira ( Brasil)
    Mediação: Lília Dantas
    12h30 às 14h – Almoço
    14h às 14h30 – Apresentação da Orquestra Jovem Inhotim
    14h30 às 16h30 – ESPAÇO URBANO E COLETIVIDADES
    Louise Ganz (Brasil)
    Pablo Ares (Argentina)
    Mediação: Fabrício Santos

    Conheça os palestrantes do dia:

    MonaJas_pqMona Jas – Alemanha
    Mona Jas, natural de Rheden, Holanda, é artista visual e pesquisadora, atuante nas áreas de Artes e Arte e Educação. É professora honorária na Escola de Belas Artes Weißensee Kunsthochschule, em Berlim. Em parceria com o KW Institute for Contemporary Art, instituição que organiza a Bienal de Berlim, criou em 2014 o projeto LAB for Art Education, no qual desenvolve atividades com jovens refugiados. Suas áreas de interesse envolvem arte e educação em escolas e galerias, com foco em arte contemporânea, cultura visual, inclusão social e processos de aprendizagem estética.

    JeffersonSooma_pqJefferson Sooma – Brasil
    Jefferson Sooma cresceu em uma favela de Santo André, São Paulo. De 2001 a 2004, foi coordenador de políticas públicas de juventude na Prefeitura de Santo André. Foi diretor de projetos da ONG Internacional Global Youth Action Network na América Latina e Caribe e na Aracati – Agência de Mobilização Social. Atuou como consultor técnico de organismos internacionais como OEI, PNUD e UNESCO. É co-criador da rede social de aprendizagem Circuitos de Aprendizagem junto ao MEC e à Universidade Federal do Rio Grande do Sul. É formado em Ciências Sociais pela Fundação Santo André, pós-graduado em Docência do Ensino Superior, mestrando da UnB em Arte e Tecnologia. Vive e apoia a formação de ecovilas no Brasil.  

    20160725_ Yara_ William Gomes-1005_pqYara Castanheira – Brasil
    Mestre em Mídias, Comunicação e Estudos Culturais com ênfase em Educação pela Universidade de Kassel, Alemanha, e pelo Instituto de Educação da Universidade de Londres, Inglaterra, atualmente Yara Castanheira exerce o cargo de Gerente de Educação do Inhotim. Com bacharelado em Comunicação Social e formação complementar em Letras pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), tem experiência em gestão e execução de projetos socioeducativos e culturais em instituições do Brasil e da Europa. Por meio de sua formação em Design Thinking na HPI School of Design Thinking, Alemanha, e Treinamento Intercultural na Universidade Humboldt de Berlim, atua em gestão e formação de equipes.

    louise_pqLouise Ganz – Brasil
    Louise Ganz é artista e arquiteta, formada pela Escola Guignard e pela Escola de Arquitetura da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Fez mestrado na EBA/UFMG e doutorado na EBA/UFRJ, em Linguagens Visuais. É pesquisadora de pós-doutorado na Escola de Arquitetura da UFMG, foi professora na Escola Guignard e no curso de Arquitetura da Unileste. Atua principalmente na interface entre arte contemporânea, urbanismo e paisagem, focando em questões relativas à natureza, à geopolítica e à produção de narrativas e ficções visuais. Realizou exposições em diversas instituições de arte no Brasil e possui textos publicados em revistas e livros. É co-fundadora do grupo Thislandyourland. Vive em Belo Horizonte.

    PabloAres_pqPablo Ares – Argentina
    Artista, trabalha com mídias gráficas há mais de 25 anos. Nos anos 1980 e 1990, criou quadrinhos para reconhecidas revistas argentinas. Cursou Cinema de Animação e participou de festivais internacionais de curta-metragens. Entre 1997 e 2005, fez parte do Grupo de Arte Callejero, com o qual realizou intervenções urbanas e gráficas em parceria com organizações de Direitos Humanos, ganhou o concurso “Parque de la Memoria” e participou da Bienal de Veneza em 2003. Desenha cartografias desde 2000 e, em 2006, junto com Julia Risler, criou “Iconoclasistas”, iniciativa dedicada ao desenho de dispositivos gráficos e visuais para a realização de oficinas de criação e investigação coletiva. Ganhou o grande prêmio da Bienal Iberoamericana de Desenho em 2012.

    Dia 03/09

    10h à 12h30 – ESTÉTICAS E DISCURSOS DO COTIDIANO
    Sepake Angiama (Alemanha)
    Paulo Nazareth (Brasil)
    Mediação: Marta Mestre
    12h30 às 14h – Almoço
    14h às 16h30 – NATUREZA E A ARTE DA COLABORAÇÃO
    Lala Deheinzelin (Brasil)
    Petra Gruber (EUA)
    Mediação: Raquel Novais

    Conheça os palestrantes do dia:

    SepakeAngiama_Creditos_GinaFolly_pq

    Crédito da foto: Gina Folly

    Sepake Angiama – Alemanha
    Sepake Angiama é educadora e curadora atuante na área das práticas educativas críticas e discursivas em diálogo com contextos sociais específicos. Atualmente, é coordenadora do Educativo da documenta 14 de Kassel. Mestre em Curadoria de Arte Contemporânea pelo Royal College of Art de Londres, Sepake atuou como Diretora de Educação da Manifesta 10, em São Petersburgo, Rússia. Foi também curadora de Programas Públicos na Turner Contemporary, Inglaterra. Seus projetos educativos e curatoriais incluem filmes comissionados ao artista britânico John Smith, dentre os quais um intitulado “What can you achieve by getting to know your neighbour?” (O que você pode alcançar ao conhecer o seu vizinho?, 2010).

    PauloNazareth_pqPaulo Nazareth – Brasil
    Artista performático, licenciado em Desenho e Plástica e bacharel em Desenho e Gravura pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), onde também estudou Linguística entre 2006 e 2010. Mora em Santa Luzia, Belo Horizonte, e trabalha em uma barraca de feira onde vende produtos diversos. Recebeu o Prêmio Masp de Artes Visuais 2012, na categoria Talento Emergente. Participa de diversos programas de residência na Argentina, Indonésia e Índia e integra exposições no Brasil, no Uruguai, na França, na Noruega, na Alemanha e nos Estados Unidos. Em Palmital (Santa Luzia), reinaugurou sua barraca na feira da cidade, chamando-a de Paulo Nazareth Arte Contemporânea Ltda.

    LalaDeheinzelin_pqLala Deheinzelin – Brasil
    Futurista, pioneira em Economia Criativa e Colaborativa, trabalhou e palestrou em diversos países. Foi indicada como uma das principais futuristas no mundo, destacando-se entre três na América Latina e Central. Considerada uma das 100 mulheres no mundo que estão co-criando a nova sociedade e economia, é criadora do movimento Crie Futuros e autora do livro Desejável Mundo Novo.  

    PetraGruber_pqPetra Gruber – EUA
    Com grande interesse em Design inter e transdisciplinar, Petra Gruber é doutora em Arquitetura Biomimética pela Universidade Técnica de Viena. Através do Centro de Pesquisa e Inovação em Biomimética (BRIC) da Universidade de Akron, EUA,  atualmente é professora na Escola de Artes Mary Schiller Myers e no Departamento de Biologia. De 2013 a 2015, como professora visitante na Universidade de Adis Abeba, Etiópia, organizou o programa de mestrado em Design de Arquitetura Avançado. Colaborou como pesquisadora no Centro de Biomimética da Universidade de Reading, no Reino Unido. Foi professora de Biomimética nos Sistemas de Energia na Universidade de Ciências Aplicadas de Villach, na Áustria, e conduziu aulas e workshops em universidades ao redor do mundo.

    Como participar

    Os interessados deverão adquirir o ingresso do Inhotim específico para o Seminário, disponível para compra aqui.

    O ingresso tem o valor especial de R$ 25,00 (inteira) e R$ 12,50 (meia) por dia de evento. É possível adquirir a entrada para mais de um dia e o ingresso dá acesso ao Seminário e também ao Parque.

    Dúvidas e informações: educativo@inhotim.org.br  

    Transporte gratuito

    O Inhotim vai oferecer dois ônibus gratuitos por dia para os participantes do Seminário Internacional de Educação Inhotim. Para garantir sua vaga, faça sua inscrição no seminário e, em seguida, envie um e-mail para onibus.seminario@inhotim.org.br contendo seu nome completo, RG, data da participação e o número do voucher emitido pela plataforma Ingresso Rápido. Os primeiros 90 inscritos que enviarem um e-mail com todas as informações receberão a confirmação da reserva de transporte. Favor informar qual é o ponto da sua preferência.

    Horário e locais de saída

    Rota 1:
    Saída: Rua Antônio de Albuquerque, 911, Savassi (em frente ao escritório do Inhotim) – 8h
    Ponto de Parada: Ponto do Via Shopping, Barreiro – 8:40h (estimativa)

    Rota 2:
    Saída: Rua Antônio de Albuquerque, 911, Savassi (em frente ao escritório do Inhotim) – 8h
    Ponto de parada 1: Praça Magnesita, Contagem 8:40 (estimativa)
    Ponto de parada 2: Ponto acima da Avenida JK, Betim 9:10 (estimativa)

    comente

    • Twitter
    • Facebook
    • Google +
    Página 1 de 1612345...10...Última »